Procura Aí

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

O Tempo das coisas

O Tempo é sábio. Cada coisa tem seu tempo, cada pessoa tem seu tempo. Não adianta apressar ou atrasar o tempo, ele anda no tempo dele, não no seu, e o seu tempo é bem diferente do tempo do tempo. Passei essa última semana com uma virose (que graças a Deus e meu clínico geral Zé Joaquim Seabra, já está indo sem deixar a menor saudade) Mas teve o seu tempo, seu ritmo, que alterou o meu e de tudo ao meu redor. A percepção dos detalhes é uma espécie de luxo que a sociedade atual não permite com muita tranquilidade, aliás, perceber requer tranquilidade, fazer nada, observar, parar, contemplar. Me lembrei de uma passagem do João Gilberto, se não me engano... não arrisco afirmar que a autoria da frase é mesmo dele e se não for, leia João como personagem ilustrativo e foi mais ou menos assim:
Da janela do consultório do psicanalista João comentou o vento que cruzava a cidade com velocidade acima do normal, "Lá vai o vento descabelando as árvores"... "Árvore não tem cabelo João" comentou o analista, "E tem gente.. que não tem poesia" finalizou João. Essa poesia é o tempo das coisas, a observação desse tempo. Eu entendo a frase "Dar tempo ao tempo", o tempo é sábio, ele sabe o que fazer dele melhor do que a gente imagina ou sonha entender. Eu que achava o tempo absoluto como um relógio, não uso mais relógios para não me acorrentar ao silencioso alarme das horas, e mesmo assim não consigo fugir nem desprezar o valor das horas marcadas... hora do remédio, hora de buscar as crianças na escola, o tempo dos outros invade o seu e não adianta tentar escapar, ou melhor, escapar é possível mas é também desastroso visto que o seu tempo também invade o tempo dos outros. Procuro observar o tempo das coisas, por um segundo, por duas horas, não importa a quantidade de tempo e sim, a qualidade. Já escrevi de forma mais resumida sobre o assunto em uma canção minha e do Lenine :

SERÁ QUE É TEMPO QUE LHE FALTA PRA PERCEBER?

SERÁ QUE TEMOS ESSE TEMPO PRA PERDER?

E QUEM QUER SABER!

A VIDA É TÃO RARA, TÃO RARA

MESMO QUANDO TUDO PEDE UM POUCO MAIS DE CALMA

ATÉ QUANDO O CORPO PEDE UM POUCO MAIS DE ALMA

A VIDA NÃO PARA


Aproveite seu tempo. Tire um tempo pra você hoje, o tempo que der.



9 comentários:

ana_didi disse...

Bem vindo!
O blog é seu eu sei ...mas eu já passei aqui algumas vezes e não tinha ninguém em casa.
Portanto, bem vindo post que fala do tempo.
Essa sua música me coloca no eixo toda vez que a vida fica rápida demais. Obrigada por ela :)

One Died Simply disse...

Dudu,

Primeiro deixa eu me apresentar. Sou João Cavalcante, cearense, mas radicado nos EUA desde 2003. Adoro MPB e também componho minhas musicas aqui.

Segundo meus parabéns por seu enorme talento! Eu acabo por descobrir seu trabalho graças ao novo CD/DVD de Jorge Vercillo. "Coisas que eu Sei" ficou simplesmente perfeita! Tu voz é singular e digna de um CD.

Sei que não é fácil se expor, mas o Max fez um grande trabalho (não se ele ainda se lembra de mim, mas tinha um site do Djavan na época que morava no Brasil - Djavanear).

Estou louco atrás de comprar seu novo CD. Vou ver se consigo pedir aos pais que me mande.

Sucesso Dudu!

Joao

Anônimo disse...

Seu cd é muito bonito, parabéns. Fiquei impressionada com sua poesia
.

Carol disse...

Olá Dudu! Eu sou sua fã há pouco tempo, cerca de 6 meses, desde quando virei fã de AC, porque gosto de saber sobre os compositores, principalmente parceiros dela... Enfim, gostei das músicas que eram parcerias dela com você e fui procurar saber mais a seu respeito... Foi aí que descobri outras tantas parcerias maravilhosas, ou músicas suas na voz de outros cantores, e me interessei mais. Passei a lhe seguir no twitter e desde que lançou o seu cd eu estou doida atrás, mas como moro no fim do mundo (interior do Paraná), ainda não encontrei, infelizmente.
Enfim, hoje fui pesquisar novamente "cd Dudu Falcão" no google e encontrei seu blog! :)
Mas aconteceu uma coisa muito estranha. Hoje, no início da tarde, eu escrevi no meu blog um texto sobre o tempo... Aí chego aqui no seu e me deparo com esse com a mesma temática - embora muito melhor, obviamente... Então achei que devia comentar rsrs

Desculpe-me o texto enorme.
Resumindo: te admiro MUITO. Parabéns!

Daniel Brandt disse...

Dudu. Cara, sou meio pragmático e vou ser um pouco chato sobre o seu CD. Eu adoro suas letras, elas tem uma essência poderosa. O tempo então, não para mesmo.... e eu sou viciado nessa música. Mas quanto ao CD não curti muito tua voz. Putz! Que chato falar isso, mas muitas vezes é bom ter um feedback ainda que nem sempre totalmente positivo. Espero que prossiga porque o sucesso é seu, como falei... você tem essência e o mundo precisa disso!

Carlos disse...

Gosto muito da musica O Lugar perfeito pro amor viver, parceria sua com Mauro Motta.
Gostaria da partitura desta musica.
Desde já agradeço.

Carlos
hen2005@ig.com.br

flaviafernands disse...

Olá, Dudu, boa noite!
Primeiramente, quero parabenizá-lo pelas suas belas composições. Como o Carlos (acima), também gosto muito da música "O Lugar perfeito pro amor viver". Gostaria de obter a partitura, mas não a encontro.
Desde já agradeço.

Flávia
flaviamfernandes@terra.com.br

Dádiva disse...

Olá Dudu! Você nem vai acreditar mas, só hoje, quando também resolvi tirar um tempo pra mim, eu descobri que sou, indiscutivelmente, sua fã.
Explico: A música tema da minha vida,
que eu mesma deveria ter feito para falar de mim (risos), chama-se *Coisas que eu sei (pensava ser composição da própia Danni). Ontem, eu me desdobrei para saber o título de outra música que me fez viajar, uma composição musical chamada *Deve ser, que me encantou desde o 1º instante que eu a escutei na novela Viver a Vida, e que pensei ser do Jorge Vercillo.

É Dudu, não tem jeito não, depois disto, acho que nunca mais vou conseguir viver sem as suas músicas. Parabéns e obrigada por nos tocar tão linda e profundamente na alma com este seu maravilhoso dom!
(Já adcionei seu blog nos aos favoritos)
Tudo de muito bom para você e os seus!
Beijos fraternos de sua mais nova e empolgada fã*

*Dorinha Miranda
(prima de Marcelo Miranda, amigo do Vercillo no RJ)

Arthur Araújo disse...

Nosso pior inimigo imbátivel,
Nossa melhor lembraça...